fbpx

Objeto Educacional Digital para o ensino de Colorimetria em disciplina de Metrologia Óptica | Analytica 94

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Por Luciana e Sá Alves, Juliana Freitas Santos Gomes e Elisama Melo da Silva Iakyra Borrakuens Couceiro*


 Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Diretoria de Metrologia Científica e Tecnologia (Dimci), Divisão de Metrologia Óptica (Diopt);

A metrologia é definida no item 2.2 do Vocabulário Internacional de Metrologia (VIM/2012) como “Ciência da medição e suas aplicações” [1, p. 16]. Uma das finalidades do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), conforme o seu regimento interno [2] , é “planejar e executar atividades de pesquisa, ensino e desenvolvimento científico e tecnológico em metrologia, avaliação da conformidade e áreas afins”. [2, p. 2 ] Para tanto, na estrutura organizacional há a Diretoria de Metrologia Científica e Tecnologia (Dimci) que atua, entre outras competências, para realizar ou reproduzir as unidades de medida, bem como manter e conservar os padrões metrológicos nacionais e disseminar as unidades do Sistema Internacional de Unidades – SI, os seus múltiplos e submúltiplos, por intermédio de metodologias metrológicas adequadas; [2, p. 28]

Uma das divisões da Dimci é a Divisão de Metrologia Óptica (Diopt), competente para  realizar as unidades de base do Sistema Internacional de Unidades (SI) candela, metro e suas derivadas, bem como manter e conservar os padrões metrológicos relacionados. [2, p. 30]

Para atender outra das competências regimentais da Dimci de “disseminar conhecimentos de metrologia para a sociedade por meio de cursos, publicações de material instrucional, metodologias e apresentações de trabalhos em eventos técnicos e científicos” [2, p. 29], foi instituído no ano de 1998 o Curso Técnico em Metrologia do Inmetro, em convênio com a Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro. O curso é oferecido na modalidade integrada, com uma única matrícula para cada aluno que confere, ao mesmo tempo, o acesso ao nível médio de escolaridade e à habilitação profissional técnica. [3] A Metrologia Óptica é uma das disciplinas oferecidas na matriz curricular do 3o ano do curso técnico e é organizada em 5 módulos: Radiometria, Fotometria, Espectrofotometria, Colorimetria e Interferometria.

Colorimetria é definida como “a ciência e a tecnologia usadas para quantificar e descrever fisicamente a percepção humana da cor” [4, p. 52] . O tema Colorimetria no curso técnico em Metrologia trata dos conteúdos Teoria e Modelos de cor, Classificação das cores, Aplicação da Colorimetria, Sistema CIE, Sistema colorimétrico, Instrumentação, Colorimetria de fontes de luz: Índice de reprodução de cor e Temperatura de Cor Correlata.

A pesquisa de novos  materiais para a disciplina Metrologia Óptica  resultou no encontro do livreto “As Cores do Céu – Coleção Observatório Nacional Apresenta” com conteúdos próximos àqueles do tema Colorimetria.

A coleção “Observatório Nacional Apresenta. . . ” foi desenvolvida pela Divisão de Atividades Educacionais do Observatório Nacional (DAED/ON) e tem o objetivo de ampliar a divulgação da Ciência Astronômica e Geofísica ao disponibilizar um material de divulgação científica por meio físico e eletrônico sob a forma de Livretos e Revistas em quadrinho. A coleção é formada por 9 Revistas em quadrinho para o público infanto-juvenil e 11 Livretos para o público jovem e adulto. O Livreto “As Cores do Céu” responde, em 30 páginas, a duas perguntas: Por que olhamos para o céu, em um dia sem nuvens, e ele nos parece azul? E por que ao entardecer o azul é substituído por tons vermelhos ou alaranjados? [5]

Figura 1: capa do livreto “As Cores do Céu – Coleção Observatório Nacional Apresenta”. Disponível em http://www.on.br/daed/pequeno_cientista/conteudo/revista/pdf/cores_ceu.pdf

 

A partir da leitura do livreto, foram desenvolvidas oito atividades digitais, descritas no quadro 1.

Quadro 1 – Atividades sobre ‘As Cores do Céu’
NomeTipoConteúdos
 

1. O que é Luz?

Preenchimento de lacunasDefinição de luz Características de ondas
2. Espectro eletromagnético 

Palavra-cruzada

Radiação eletromagnética e ionizante
3. Energia e Comprimento de ondaOrganização de fraseEnergia e comprimento de onda
4. Energia e FrequênciaOrganização de fraseEnergia e frequência de onda
5. Decompondo a luz e olho

humano

 

Palavra-cruzada

Espectro visível da luz, decomposição,

estrutura do olho

6. Explicando a cor do céuAssociação de colunasEspalhamento da luz: Mie, Rayleigh e Tyndall,
 

7. Cores do céu e visão humana

 

Preenchimento de lacunas

Olho humano (cones e bastonetes); Espalhamento da luz
8. Cores vistas no espaçoPreenchimento de lacunasVácuo e cores; Terra vista do espaço

O conjunto formado pelo livreto e as atividades digitais resultou em um objeto educacional digital que pode ser acessado no Banco de Objetos em Metrologia (BOM).

Figura 2: Página de abertura e sumério do obejto educacional digital “Cores do Céu”

Disponível em http://bom.org.br

O principal resultado obtido com a produção desse objeto educacional digital foi a aproximação interinstitucional entre o Inmetro e o Observatório Nacional (ON), duas instituições que participam da infraestrutura da qualidade do Brasil [6], por meio da utilização de um material de divulgação científica do ON como um material didático do curso técnico em Metrologia do Inmetro. A produção do objeto educacional possibilita ampliar o acesso da sociedade a conhecimentos científicos relacionados às duas instituições.


Referências

  1. Vocabulário Internacional de Metrologia: Conceitos fundamentais e gerais e termos  associados (VIM 2012). Duque de Caxias, RJ : INMETRO, 2012.   Disponível em <http://www.inmetro.gov.br/inovacao/publicacoes/vim_2012.pdf>
  2. BRASIL. Ministério do Desenvolvimento, Inbdústria e Comércio Exterior e Serviços. Portaria no 2 de 04 de janeiro de 2017. Disponível em <http://www.inmetro.gov.br/inmetro/pdf/regimento-interno.pdf>
  3. BRASIL. Presidência da República. Casa Civil. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional: Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. –Disponível em <http://www.planalto.gov.br/Ccivil_03/leis/L9394.htm>
  4. Ohno Y.. CIE Fundamental for Color Measurements. IS&T NIP16 Conference,   Vancouver, Canadá, 2000. Apud Gomes, J. F.S.Padronização de metodologia para caracterização de cor por imagem aplicada à seleção de frutas. Niterói, RJ : [s.n.], 2013.  278 f. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica) – Universidade Federal  Fluminense, 2013. Disponível em http://www.mec.uff.br/pdfteses/JulianaFreitasSantosGomes2013.pdf
  5. BRASIL. Ministério da Ciência e da Tecnologia. Observatório Nacional. Divisão de Atividades Educacionais. MATERIAL DE DIVULGAÇÃO    –          DAED. http://www.on.br/index.php/pt-br/conteudo-do-menu-superior/34-acessibilidade/114-material- divulgacao-daed.html
  6. FRANCE. Bureau International des Poids et Mesures (BIPM). The Federative Republic of Brazil/Quality          infrastructure. Disponível em <http://www.bipm.org/en/about-us/member- states/br/links.html>

Acesse a ultima edição da Analytica

Ultimas Notícias

Gelita apresenta amplo e diferenciado portfólio de gelatinas de aplicação industrial na FCE Pharma

A Gelita, a empresa líder mundial no fornecimento de proteínas de colágeno para diversos ramos da indústria, participou da FCE Pharma 2019 colocando à mostra

Tecnologia, qualidade e menor custo: conheça softwares da Merck que prometem mudar a lógica da indústria farmacêutica

Presente na FCE Pharma de 2019, a Merck trouxe inovações que prometem mudar o curso da indústria farmacêutica: aliando tecnologia, produção e custos. Com mudanças

Equipamento de gerenciamento integral da cadeia fria: conheça Polar Tracker, da o Grupo Polar

Em um país como o Brasil, que possui uma variedade de temperatura tão grande, é um desafio manter a eficácia do medicamento durante o transporte

Honeywell lança linha de filme de barreira termoformável para embalagens farmacêuticas no Brasil

Nova linha de filmes de barreira com custo mais efetivo atende às necessidades da indústria por produção e entrega mais rápidas.   — A Honeywell

Contra cross-linking de cápsulas gelatinosas, GELITA destaca linha de produtos RXL na FCE Pharma

Além de ampliar shelf life das cápsulas gelatinosas, tecnologias patenteadas anti cross-linking da GELITA garantem ação mais rápida de medicamentos e suplementos, maior estabilidade, ou

Seções
Fechar Menu