Manual orienta indústria como reduzir perda de pellets plásticos

Além de diminuir os prejuízos financeiros, a medida também contribuiu para que material não migre para o meio ambiente, como rios e mares

Auxiliar a cadeia produtiva do plástico, empresas transportadoras, operadores logísticos e empresas de atendimento a eventuais emergências durante o transporte, a reduzirem significativamente a perda de pellets plásticos, impedindo que eles cheguem em lugares em que não há controle, como rios e mares. Essa é a proposta do Manual Perda Zero de Pellets, desenvolvido pela parceria entre o Instituto Oceanográfico da USP e Plastivida, com a participação da Associação da Indústria do Plástico (ABIPLAST) – que é signatária do Fórum Setorial dos Plásticos Por um Mar Limpo. O documento, que também traz orientações para o atendimento a emergências durante o manuseio, armazenagem e transporte do material, está disponível no site http://www.porummarlimpo.org.br.

A publicação foi idealizada e elaborada com base no Programa Internacional Operation Clean Sweep® (OCS) e teve a participação do Fórum Setorial dos Plásticos Por um Mar Limpo, que conta com cerca de 15 instituições, empresas e Sindicatos como signatárias, tendo como objetivo conhecer a fundo a questão do lixo nos mares e promover soluções para o problema.

O documento apresenta ainda uma análise detalhada, mapeamento e entendimento dos diferentes processos de eventuais perdas desses materiais no ambiente, considerando toda a cadeia produtiva do País, e apresenta uma série de orientações para mitigar o problema. Além do viés ambiental, o manual verifica ser importante considerar os prejuízos financeiros que essa perda acarreta às empresas.

A ABIPLAST é signatária desde 2014 da Operation Clean Sweep® (OCS), um programa de gestão ambiental criado pela Society Plastics Industry – SPI (atual Plastics) que vem sendo implementado por quase 200 empresas norte-americanas e aproximadamente dez organizações internacionais do setor ao redor do mundo, para prevenção de poluição de rios, lagos e oceanos. Uma das iniciativas desenvolvidas pela entidade é a promoção dos conceitos da OCS nas indústrias transformadoras de plásticos em operações de manuseio de grânulos visando à perda zero desse material.

Acesse a ultima edição da Analytica

Ultimas Notícias

Seções
Fechar Menu