fbpx

EMBRAPII e ABAL levam pesquisadores às fábricas do setor de Alumínio

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Evento ocorre em três empresas: Prolind, Novelis e CBA. Proposta é promover encontro entre indústria e institutos de pesquisas para debater oportunidade de negócios em projetos de Inovação

A EMBRAPII (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial), organização vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Invocação, e a ABAL (Associação Brasileira de Alumínio) promovem, entre os dias 03 e 05 de abril, a Conexão ABAL, Road Show que leva pesquisadores das Unidades EMBRAPII para conhecer plantas industriais de empresas do setor de alumínio no estado de São Paulo. A iniciativa é a primeira ação oriunda da aliança firmada entre as duas entidades em fevereiro.

O Road Show tem como objetivo aproximar o setor industrial de centros de pesquisas, além favorecer a geração de novos negócios e a cooperação em P,D&I entre as empresas e as instituições de pesquisas.

O roteiro de visitas começa na fábrica da Prolind – um dos maiores produtores de perfis de alumínio e fabricação de peças, em São José dos Campos. Na quinta-feira (4), os pesquisadores seguem para Pindamonhangaba, onde vão visitar as instalações de laminação e reciclagem de alumínio da empresa Novelis, uma das maiores recicladoras de metais. O roteiro fecha na capital paulista com a ida à CBA (Companhia Brasileira de Alumínio), empresa que produz desde a extração da bauxita até produtos transformados como bobinas e chapas.

Aliança

Em fevereiro, a EMBRAPII e a ABAL firmaram aliança para investir em inovação do setor e desenvolvimento de novos processos e produtos a partir metal. O acordo propõe aproximar e estreitar as relações do setor com a rede de Unidades EMBRAPII, tornando-a referência para atividades de pesquisa e inovação da indústria do alumínio.

“Para inovar é fundamental que as empresas tenham acesso a equipamentos, mão-de-obra extremamente qualificada e centros de pesquisa de ponta e, as Unidades EMBRAPII estão preparadas para atender as demandas do mercado com agilidade e flexibilidade que os projetos de P,D&I exigem”, destaca o diretor de Planejamento e Gestão, José Luis Gordon.

A Indústria do Alumínio exportou cerca de US$ 3,8 bilhões em 2018. No ano anterior, gerou 415 mil empregos e faturou cerca de R$ 65 bilhões, o que corresponde a 5,4% do PIB Industrial Brasileiro. O presidente-executivo da Associação Brasileira do Alumínio (ABAL), Milton Rego, destaca que a iniciativa trará mais competitividade ao setor.

A aliança com a ABAL se soma a uma série de ações da EMBRAPII com o objetivo de fortalecer laços com setores industriais específicos. A instituição também mantém acordo com a ABIMO (Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos e Odontológicos), a ABTCP (Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel), a ABINEE (Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica) e o Sindipeças (Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores).

Acesse a ultima edição da Analytica

Ultimas Notícias

Prime Cargo completa 14 anos com soluções de logística de qualidade

Para falarmos sobre a importância da qualidade na logística, precisamos falar sobre a importância do sistema de gestão da qualidade.  A principal atividade do sistema de

Manutenção preventiva e corretiva de equipamentos de medição: conheça os serviços da Sartorius

Serviços Sartorius – seu equipamento sempre em sua melhor performance    A equipe de Serviços da Sartorius do Brasil está pronta para ajudar aos clientes

Trinity Biotech do Brasil inaugura fábrica para produzir reagentes e reduzir custos de compradores em importações

A Trinity Biotech do Brasil, cada vez mais comprometida com o mercado brasileiro, inaugurou uma fábrica em Extrema – Minas Gerais, localizada a pouco mais de 100 km do

Conheça a linha Sievers da Nova Analítica: precisão e máxima produtividade na análise de COT

Como fabricante líder mundial de analisadores e instrumentos analíticos de COT, fornecemos tecnologia, design, e qualidade superiores. Os analisadores de COT da Sievers cobrem um intervalo analítico dinâmico de 0,03 ppb até 50.000 ppm e

Para impulsionar a o ramo farmacêutico brasileiro, Cimed tem financiamento aprovado pelo BNDES para construção de nova fábrica

Quarta maior indústria farmacêutica do Brasil, empresa ampliará sua capacidade de produção de medicamentos sólidos orais genéricos e similares em 35%   A Cimed, quarta

Seções
Fechar Menu