fbpx

Aplicações da Cultura Celular 3D: destaque no segmento, Greiner Bio-One palestrará na 47ª Reunião Anual da SBBq | Analytica 94

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Com um amplo portfólio especialmente desenvolvido para o cultivo e a análise de células, a Greiner Bio-One destaca-se no segmento Life Science. Os produtos são aplicados na pesquisa básica, contemplando diferentes áreas da biologia e medicina, além de serem utilizados em processos biotecnológicos e industriais.

“A cultura celular é caracterizada por permitir a manutenção de células vivas em laboratório (in vitro) independente do organismo que as originou, sendo que a utilização dessa técnica possibilitou a melhor compreensão de diversos mecanismos moleculares de diferentes tipos celulares permitindo importantes avanços científicos. Geralmente as pesquisas são realizadas cultivando-se células em monocamadas, o que também chamamos de cultivo celular em 2D, no entanto, um novo método vem ganhando destaque nas pesquisas científicas: a Cultura de Células em 3D”, explica a Especialista de Produtos da Greiner Bio-One, Dra Angélica Silveira.

As aplicações e essa nova tecnologia para realização de Cultura Celular em 3D será o foco das palestras oferecidas pela Greiner Bio-One Brasil na 47ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular (SBBq), que acontecerá em Joinville-SC, de 26 a 29 de maio. As três palestras acontecerão no dia 28, na sala 14. O tema “Cell organoids for drug screening and disease modelling” será explanado às 9h30 e também às 16h30. Já o assunto “Cell organoids applied to cancer research” será abordado às 14h.

A cultura de células em 3D deriva-se inicialmente da cultura de células em monocamada. Entretanto, o diferencial da cultura 3D é permitir que as células explorem as 3 dimensões do espaço, aumentando, assim, as interações entre o ambiente e as células. Quando cultivadas nesse sistema, as células formam estruturas tridimensionais denominadas esferoides.

“O sistema para cultura celular 3D da Greiner Bio-One, o n3D, é uma plataforma baseada na magnetização das células e com formação de esferoides ou anéis em tempo recorde, podendo ocorrer em até 18h dependendo do tipo celular”, esclarece a Dra. Angélica, que completa: “o kit possibilita várias aplicações, tais como em pesquisas relacionadas ao microambiente tumoral, high-throughput screening para prospecção de novos fármacos, co-cultivo, invasão e diferenciação celular, entre outras, permitindo sempre condições de cultivo mais próximas do in vivo e com grande reprodutibilidade”, finaliza.

As palestras da Greiner Bio-One na 47ª Reunião Anual da SBBq serão ministradas pela Dra. Angélica Silveira, graduada em farmácia pela Universidade São Francisco e mestre e doutora pela Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp. Visite o estande da GBO Brasil na SBBq e conheça mais sobre os produtos da divisão BioScience.


Greiner Bio-One Brasil
info@br.gbo.com
www.gbo.com/

Acesse a ultima edição da Analytica

Ultimas Notícias

Empresas devem estabelecer metas de clima mais ambiciosas para limitar a elevação da temperatura global a 1,5 °C

Cúpula do Clima do secretário-geral da ONU reconhece a liderança do setor privado sobre as mudanças do clima e busca inspirar uma transformação mais rápida

Trinity Biotech inaugura fábrica para produção de reagentes para diagnóstico in vitro

A Trinity Biotech do Brasil, cada vez mais comprometida com o mercado brasileiro, inaugurou uma fábrica em Extrema – Minas Gerais, localizada a pouco mais de 100 km do

Artigo científico: Avaliação da qualidade microbiológica e físico-química de méis

  AVALIAÇÃO DA QUALIDADE MICROBIOLÓGICA E FÍSICO-QUÍMICA DE MÉIS COMERCIALIZADOS EM MUNÍCIPIOS DO ESTADO DE ALAGOAS  O mel é um dos alimentos mais puros da

Nova iniciativa de resíduos plásticos oferece o primeiro esquema de crédito baseado no mercado para acelerar a recuperação e a reciclagem

A Iniciativa 3R reúne ONGs, especialistas e as grandes empresas como Danone, Nestlé, Tetra Pak e Veolia em modelos de negócios pioneiros de “economia circular”

ARTIGO: Sequenciamento das regiões F(ab)-12 LC e F(ab)-12 HC do anticorpo monoclonal humanizado bevacizumabe: um estudo multicêntrico 

Sequenciamento das regiões F(ab)-12 LC e F(ab)-12 HC do anticorpo monoclonal humanizado bevacizumabe: um estudo multicêntrico   Eduardo de Souza Matos1, Ronaldo Mohana-Borges*1, Vitor Marcel Faça*2, Fábio César Gozzo*3, Wagner Fontes4,

Seções
Fechar Menu