fbpx

A multinacional Wärtsilä desenvolve soluções para o tratamento da água de lastro e assina acordos com estaleiros, para facilitar a adaptação desses sistemas

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Em setembro deste ano, após a adesão da Finlândia, entrará em vigor a Convenção Internacional para Controle e Gerenciamento da Água de Lastro e Sedimentos de Navios, assinada em 2004. O objetivo é regulamentar a gestão e controle da água de lastro dos navios, o que deverá minimizar o risco de disseminação de organismos aquáticos nocivos e agentes patogênicos, que ameaçam a ecologia e o bem-estar econômico do planeta. Para se adequar às novas normas da Organização Marítima Internacional (OMI), os navios enquadrados na Convenção precisarão instalar um sistema para tratamento desta água. A multinacional finlandesa Wärtsilä, fornecedora de equipamentos navais para construtores, armadores e operadores de embarcações e instalações offshore, passou a assinar acordos com uma série de estaleiros para facilitar a instalação e adaptação de suas soluções para este fim, as AQUARIUS® UV e EC.

Os sistemas de gestão de água de lastro AQUARIUS® UV e EC utilizam o tratamento por ultravioleta (UV) ou eletrocloração (EC) e filtragem, em unidades de tratamento únicas. O mais recente estaleiro a assinar um acordo com a empresa é o Keppel Shipyard Ltd (KSL) de Singapura. Os acordos visam fornecer aos armadores e operadores todas as informações e assistência necessárias relativas aos equipamentos. Juntos, é possível oferecer capacidades completas de engenharia, aquisição e construção, de acordo com as necessidades de cada projeto. Além disso, os estaleiros fornecem as facilidades para docagem seca e os recursos de instalação necessários.

Devido ao período relativamente curto antes da entrada em vigor dos regulamentos, é esperado um forte crescimento de demanda para os serviços de retrofitting de embarcações. “A Wärtsilä adotou uma abordagem pró-ativa na preparação para a entrada em vigor dos regulamentos da convenção e, em cooperação com os grandes estaleiros, como o Keppel Shipyard Ltd, estamos muito bem posicionados para atender frotas inteiras que precisam se adaptar a esses requisitos, e podemos prestar um valioso serviço aos armadores”, diz Markus Ljungkvist, Gerente Geral, Projeto de Vendas, Wärtsilä Services.

Atualmente, a Wärtsilä possui instalações de produção de BWMS no Reino Unido e na China, bem como acordos de fabricação com as empresas chinesas COSCO Weihai e CSSC JiuJiang.


Fonte: Approach Comunicação


 

Acesse a ultima edição da Analytica

Ultimas Notícias

Cora 100: espectrômetro portátil, rápido e compacto da linha Raman Cora

A Anton Paar apresenta o mais novo membro da família de espectrômetros Raman Cora: o espectrômetro Raman de mão Cora 100, rápido e compacto, é perfeitamente adequado para a

Colunas para cromatografia gasosa da Zebrom tem qualidade internacionalmente reconhecida

A Zebrom produz colunas para cromatografia gasosa (GC) desenvolvidas por cientistas especializados da Phenomenex com a melhor tecnologia do mercado. Como comprovação de sua eficiência, foi reconhecida com três prêmios

Linha SafePack do Grupo Polar mantem estabilidade sob temperaturas extremas por muito mais tempo

Novas tecnologias, que foram apresentadas na 24 ª FCE Pharma, foram desenvolvidas para manter e garantir estabilidade sob temperaturas extremas por muito mais tempo  

15ª edição da Analitica Latin America traz Rodada de Negócios: espaço reservado para a efetivação de negócios

Reprodução de Analitica Latin America A Analitica Latin America, visando proporcionar mais oportunidades de negócios aos seus expositores, preparou uma novidade para esse ano. No

Revista Analytica: a revista do controle de qualidade industrial

Na edição simbólica de número 100 da Revista Analytica, trazemos dois grandes artigos para fornecer bases científicas para todos que atuam na área. No ramo

Seções
Fechar Menu